Tempo, tempo, tempo, tempo, és um dos deuses mais lindos…

Tempo, tempo, tempo, tempo!!!
Já nas músicas, nas poesias, durante todo o tempo…
Palavra estranha de pronunciar, tempo. Tempo, tempo, tempo… Como gostaria de ter umas trinta horas no meu dia, multiplicar esse tempo qu não me basta, desdobrar-me em dias infindos e que o Tempo não me cansasse.
Mas o Tempo me cansa, insiste. E ao invés de adaptar-nos, nós, os atarefados, os modernos, os comprometidos, os certinhos, enfim, toda essa gama de tolos, morremos e nos deixamos de lado.
Aproveitamos tão mal nosso Tempo, Tempo, Tempo, Tempo, compositor de destinos, tambor de todos os rítmos… 

Aguarda, que no SEU Tempo, o meu se ajusta e respondo com a decência merecida, porém não com a mesma maestria!
Dali

4 comentários em “Tempo, tempo, tempo, tempo, és um dos deuses mais lindos…

  1. tempo, tempo, mano, velho, falta um tempo ainda eu sei
    prá você correr mansinho!!! enquanto o tempo corre que nem louco, a gente conversa no meio da madrugada! ainda bem que você parou de cochicar e a dani desligou a net! rs

    rs

    a maestria é relativa, ká! rs

    o que está lá é fato! heheheh

    não me venha com chorumelas, certo? rs

  2. Saudades, Ká!

    Vontade de conversar!

    Onde você está?
    O que anda fazendo?

    Tenho textos novos. Cansativos, apesar de novos. rs

    Quero textos seus.

    Quero saber de vc!

    Milhões de beijos no coração

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s